fbpx
Cada vez mais os advogados estão aderindo às novas tecnologias para um melhor rendimento no trabalho. Na busca por economizar tempo nas atividades diárias, na organização do escritório e na produtividade, o uso das novas tecnologias, como smartphones, tablets e o próprio computador, se tornam aliados dos profissionais no dia a dia.
 
Com o uso de ferramentas como os aplicativos, organizar as tarefas de um escritório e da vida pessoal, se tornou mais fácil. Por isso, organizamos uma lista com cinco aplicativos que visam melhorar o dia a dia de um escritório de advocacia.
 

1)  Google Docs

 
Diga adeus as ferramentas da Microsoft como as planilhas e editores de texto. Com o Google Docs você tem acesso aos documentos e processos em qualquer lugar, mesmo sem conexão com a internet. Ele possibilita o salvamento automático e a conversão do Word/Excel/PowerPoint para seus documentos.
  

2)      Vade Mecum online! 

 
Precisa consultar alguma lei? Com o aplicativo Vade Mecum, você tem diretamente no seu celular toda a legislação brasileira.
 

3)   Skype

 
Agora, ficou muito mais fácil realizar videoconferências com seus clientes. Com o Skype, você pode em seu celular ou tablet conversar diretamente com seu cliente, sem precisar marcar uma reunião, isso em qualquer lugar do mundo. 
 

4)   DocuSign

 
O DocuSign é ideal para você assinar digitalmente documentos, onde quer que esteja,   em formato PDF. O app agiliza muito o despacho de processos ou outros documentos que ficam parados nas horas de ausência do escritório.
 

5)   CamCard

 
Perdeu seu cartão de visita? Com o CamCard é possível fotografar o cartão de visita e ele captura os dados e organiza todas as informações na sua agenda. Assim, para procurar um contato, é só digitar o nome ou endereço em algum campo pessoal na ferramenta de busca para que o contato apareça na tela.
 
Advogado, quer organizar seu dia? Inclua esses aplicativos na sua lista de favoritos e veja a solução num piscar de olhos. 
0 respostas

Deixe uma resposta

Quer juntar-se a discussão?
Sinta-se a vontade para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *