fbpx

A gestão de tempo para advogados é a chave da produtividade. Centenas de processos, audiências, reuniões com clientes e com a equipe fazem parte da rotina desse profissional, e essas tarefas são fundamentais para uma prestação de serviços excelentes, mas demandam atenção e tempo. Como conciliar tanta atribuição da vida profissional com a pessoal? Como não se perder em meio a tantos compromissos?

Se essa é uma preocupação sua, confira, a seguir, as dicas que preparamos sobre gestão de tempo para advogados.

#1 Estabeleça prioridades

Não é possível fazer uma boa gestão de tempo para advogados se não forem estabelecidas prioridades. Os compromissos do profissional devem ser organizados por ordem de importância e de urgência, somente assim o advogado consegue se concentrar no que é mais urgente.

Aquela tarefa que incomoda pela dificuldade deve ser realizada de qualquer forma, certo? Uma boa dica é fazê-la logo no início do dia, quando você está mais descansado. De nada adianta estabelecer prioridades se a resolução dos problemas for deixada de lado.

#2 Faça uma lista de tarefas

Uma boa forma de ter uma gestão de tempo para advogados eficiente é elencar as prioridades em uma lista de tarefas. Inclua tudo o que precisa ser resolvido e faça a ordem da resolução. Inicialmente, isso tomará algum tempo, mas vai aumentar a produtividade no trabalho. Um lembrete importante: insira somente metas passíveis de execução.

Isso é importante para que você não se sinta frustrado por não conseguir resolver uma atividade naquele dia.

#3 Organize e compartilhe sua agenda

Você possui uma agenda organizada e compartilhada com os demais profissionais que trabalham diretamente com você? Se a resposta é negativa, é sinal de que sua gestão do tempo pode estar prejudicada.

Uma agenda online e compartilhada permite a comunicação mais rápida com clientes e com a equipe. Os compromissos são organizados sem prejudicar o relacionamento interno e externo, e tarefas, notificação de prazos, reuniões e audiências são incluídas na agenda.

Ela também pode ser sincronizada com as agendas dos demais advogados.

#4 Seja pontual

Ser pontual é elegante, mas, mais do que isso, é uma forma de fazer uma boa gestão de tempo para advogados. Na advocacia, é difícil estabelecer um horário fixo para todas as tarefas do dia. Algumas delas têm duração imprevisível, mas é possível estipular um tempo médio e construir um planejamento em cima disso. O resultado é simples: agenda organizada e boa fama

#5 Tenha foco

Lembra as prioridades e a lista de tarefas? São guias para que o advogado realize uma atividade por vez. O jeito mais prático de finalizar um dia tranquilo é fechar a lista. Para tanto, é preciso ter foco e concentração em cada tarefa: evite distrações para se manter focado na atividade e ter um resultado melhor.

#6 Evite as distrações

Ligações de clientes fora de hora, mídias sociais, uma pessoa que entra na sala na hora errada. Todas essas distrações são inimigas da gestão de tempo para advogados – elas prejudicam a linha de raciocínio de qualquer tarefa, seja a elaboração de uma petição ou a análise de um contrato.

Para combatê-las, estabeleça horários para cada atividade, inclusive para fazer ligações ou retornar os telefonemas. Tire um tempo de descanso após o período de alta concentração para ver suas redes sociais. Conhece a técnica Pomodoro? Pode ser uma boa ideia experimentá-la!

#7 Delegue tarefas

Você trabalha em equipe? Estagiários e outros advogados são mais do que colegas de trabalho: estão todos organizados no escritório para atender ao mesmo objetivo. Por isso, não tenha medo de delegar tarefas. Fique somente com aquelas que competem exclusivamente a você. Há procedimentos burocráticos que podem ser feitos por um software jurídico, enquanto outros podem ser de responsabilidade da secretaria.

#8 Cumpra prazos

Ao estabelecer prioridades, é preciso considerar os prazos de cada tarefa. Respeite-os para que a gestão de tempo para advogados funcione. Faça o mapeamento de todas as atividades e veja o que deve ser resolvido logo. Definir um cronograma e cumpri-lo confere eficácia para o escritório.

#9 Reserve um tempo para descansar

O advogado que não reserva um tempo para o descanso jamais conseguirá fazer uma boa gestão da sua rotina. Ter hobbies e atividades prazerosas é fundamental para manter a saúde mental em dia e o ânimo para o trabalho. Com as energias renovadas, a produtividade sobe e o aproveitamento do tempo melhora.

#10 Utilize a tecnologia para ajudar na gestão de tempo para advogados

Organizar o tempo por meio da tecnologia é muito mais fácil e prático. Com um software jurídico, o advogado consegue aproveitar muitas funcionalidades que ele oferece – dentre elas, a gestão de tempo. E isso não diz respeito somente a ela, mas à otimização da gestão do escritório. Com mais agilidade na realização das tarefas, mais tempo sobra para outras atividades.

Uma boa gestão de tempo para advogados depende de muita organização, o que pode ser conferido pela tecnologia. Quer conhecer melhor um software jurídico para te auxiliar nessa função? Solicite uma demonstração do Lawyer!

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer juntar-se a discussão?
Sinta-se a vontade para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *